top of page
  • Foto do escritorLuis Piccardi

Ficção científica? Não, realidade: robôs aprendendo movimentos sozinhos


Sabe aquele filme de ficção científica onde robôs são tão inteligentes (geralmente até mais) que os humanos? Pois é, esse cenário não está tão longe de sair das telas e virar realidade.


Um dos exemplos é esse “robodog”. Redes neurais profundas voltadas em diversas habilidades específicas foram desenvolvidas, onde o robô aprende movimentos e reações através de erros e acertos (como pessoas mesmo).


E acredite, não teve programação e mais nada: as ações e reações do robô nesse vídeo (rolar quando atingido, levantar-se e andar sobre pedras) foram aprendidas exclusivamente por ele, sozinho! Que medo!

Comments


bottom of page